Plataforma de doação online: tudo o que você precisa saber

newim

Entenda por que uma plataforma de captação de recursos é fundamental para garantir segurança e transparência nas doações online para organizações sociais.

Um ponto em comum entre todas as organizações do Terceiro Setor é a busca por doações. A sustentabilidade financeira de ONGs e OSCs passa, diretamente, pela captação de recursos de empresas ou pessoas físicas. Hoje em dia, a internet é peça-chave para atrair contribuições em dinheiro. A longevidade dos projetos depende dos investimentos. Você sabe qual a importância de uma plataforma de doações online?

O que é uma plataforma de doação online?

De forma simples e resumida, uma plataforma de doação online é uma ferramenta digital desenvolvida para captar doações em dinheiro pela internet. Mas uma boa plataforma online é bem mais que isso.

Além de uma solução tecnológica otimizada para receber transações financeiras, a plataforma de doação online tem inúmeras outras funcionalidades que permitem à organização o controle e a estruturação das etapas de um processo de captação de recursos.

Com uma plataforma específica de doações, a organização acompanha, numa única ferramenta agregadora, toda a jornada de doações. De forma segura, a instituição pode estabelecer os níveis de permissão e acesso para os membros da equipe, com logins e senhas individuais.

A plataforma de doação é um passo importante rumo à profissionalização das organizações sociais que, em muitos casos, não têm mão de obra qualificada para conduzir e gerir as demandas específicas das movimentações financeiras e de doações.

Como funciona

Para quem sente dificuldades em arrecadar recursos para sua organização, principalmente pela internet, uma plataforma de doação online possui uma série de ferramentas para não apenas aumentar o número de doações, mas otimizar todo o processo.

Em plataformas como a da Doare, você acompanha em tempo real todas as transações através de relatórios, gráficos e notificações, sendo possível extrair todos os dados financeiros para planilhas de controle. Isso é fundamental para sua organização ter transparência em relação ao capital arrecadado através de doações.

Você pode acessar a plataforma de doação tanto pelo celular como em computadores e notebooks. A interface do painel administrativo das melhores plataformas online permite uma navegação segura e intuitiva, não causando confusão para aquelas pessoas que não têm tanta familiaridade com plataformas digitais.

São muitas as funcionalidades de uma plataforma de doação online. Ao longo deste post, vamos pontuar alguns tópicos imprescindíveis para a compreensão sobre essa importante ferramenta tecnológica. A internet possibilita muitas coisas positivas e o Terceiro Setor precisa estar conectado às evoluções do universo virtual.

Formas de pagamento

Você pode pensar: mas eu consigo criar uma campanha nas redes sociais para pedir doações! Basta divulgar os dados da minha conta bancária e pedir que as pessoas depositem ou transfiram as quantias que desejarem! Sim, isso é possível, mas você já parou para pensar que este é um método nada funcional?

Vamos lá: se você divulga seus dados bancárias, o doador precisa inicialmente copiar todos os números corretamente. Depois disso, ele precisa ir no aplicativo do seu banco para colar os dados e fazer a transferência. E se os bancos forem distintos, sempre há taxas para realizar a transição.

Como bem sabemos, o ato de doar é muito sensível: a pessoa que decide doar quer fazer isso na hora. Se ela tiver qualquer dificuldade, possivelmente ela desistirá de contribuir com a ONG. Com a plataforma, a burocracia é zero! Através da “caixinha de doações”, que pode ser compartilhada diretamente no site da campanha de doações, o doador escolhe a quantia e faz a doação de forma rápida e sem dor de cabeça.

Outra grande facilidade é a diversidade de formas de pagamento instantâneos, disponíveis aos doadores. Na plataforma de doação online da Doare, a organização tem a possibilidade de receber doações via cartões de crédito, PayPal, boleto bancário e PicPay. Em breve, o meio de pagamento eletrônico PIX também estará disponível na plataforma!

Portanto, em uma única ferramenta, todos os tipos de pagamento são integrados para alavancar a arrecadação de recursos para a organização. E tudo isso de forma didática, para que o setor financeiro da instituição monitore com clareza, através de relatórios e planilhas, o movimento e fluxo de caixa.

Doações pontuais x Doações recorrentes

Garantir mais previsibilidade de receita é fundamental para o planejamento de ações das ONGs. Uma plataforma de doação online é extremamente importante para suprir esta necessidade: gerar volume de doações recorrentes. Se a organização depender somente das doações pontuais, realizadas aleatoriamente ou em campanhas específicas, o risco de escassez financeira é enorme.

Doações recorrentes trazem segurança financeira para o Terceiro Setor

Como focar em apoios mensais? Como fazer com que as pessoas que doaram uma vez se lembrem de doar no mês seguinte? Aqui entra a importância de uma plataforma de doação online. Através do sistema integrado com os dados dos doadores, a plataforma oferece a funcionalidade de cobranças automatizadas. Ou seja, a organização pode estabelecer cobranças mensais ou em outra periodicidade (semestral, trimestral).

Os doadores recebem a mensalidade – boletos por e-mail ou diretamente descontado no cartão, por exemplo – sem que a organização tenha a preocupação de entrar em contato manualmente. A tecnologia da plataforma de doação online permite esta ponte direta e eficiente entre organização social e doador.

Uma prática interessante feita por algumas organizações é oferecer recompensas simbólicas para doações recorrentes. O doador que contribuir por 3 meses pode receber, gratuitamente, algum produto personalizado da instituição. Caso se torne um doador recorrente por 6 meses, outra recompensa, ainda mais legal! Cada recompensa deve estar associada a um tempo de doação, o que estimula o apoio permanente à organização.

Moedas

Quem fomenta a cultura de doação enxerga a solidariedade como uma potência transformadora em nível global. As melhores plataformas de doação online brasileiras possuem a opção para as organizações receberem doações não só em real, mas em outras moedas.

É um aspecto muito favorável para quem deseja expandir o alcance geográfico da causa e sensibilizar o maior número de pessoas. No caso da plataforma da Doare, sua organização pode receber doações em real, dólar, euro e libra!

Em tempo real, você acompanha todas as transações através de relatórios, gráficos e notificações, sendo possível extrair, como já dissemos, todos os dados financeiros para planilhas de controle. A plataforma pode ser disponibiliza também em inglês, além de português, para facilitar a comunicação com doadores estrangeiros.

Receber doações com moedas estrangeiras é bem mais simples do que você imagina!

Segurança

Um ponto a ser sempre priorizado é a questão da segurança. Muitas pessoas se sentem inseguras em doar pela internet, já que muitos criminosos aplicam golpes se passando por grupos sociais e mesmo pessoas necessitadas. Uma plataforma de doações tem um sistema altamente seguro. Cadastros dos doadores, com informações pessoais e dados bancários, por exemplo, são mantidos em sigilo e segurança.

Uma plataforma de doações online tem papel vital em relação ao controle e ao monitoramento dos dados pessoais

É importante verificar se a plataforma possui o com certificado de segurança SSL (Secure Sockets Layer), como é o caso da Doare. Este selo garante credibilidade e confiança para todos os doadores, já que significa que a comunicação é criptografada entre o site e o seu visitante. O usuário pode comprovar a existência do certificado SSL quando há o cadeado de segurança ao lado do navegador.

Lembrando que uma plataforma de doações online é uma etapa do planejamento de captação de recursos através da internet. Há outros fatores que devem ser levados em consideração para garantir a segurança e legalidade das doações. Por exemplo, se você criar um site de campanha de doações, é obrigatório que informações exigidas por lei estejam visíveis na página, como o nome da entidade (razão social), telefone, endereço e CNPJ.

LGPD

A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), publicada em agosto de 2018 no Brasil, é aplicável às entidades do Terceiro Setor e as organizações precisam estar alinhadas às suas diretrizes. Baseada na General Data Protection Regulation (GDPR), adotada pela União Europeia, a legislação brasileira está voltada diretamente ao uso de Dados Pessoais.

O documento visa a plena garantia de que qualquer cidadão brasileiro possa ter controle sobre como, onde e por quem seus dados estão sendo utilizados. Para as ONGs e OSCs, a lei tem efeito em relação aos dados armazenados de funcionários, voluntários e beneficiários destas instituições. Tal controle pode necessitar de um prévio consentimento  que permita a qualquer um solicitar a cessão de uso de suas informações.

Uma plataforma de doações online tem papel vital em relação ao controle e ao monitoramento de dados pessoais de todo o corpo de indivíduos envolvidos em ações sociais e de arrecadação monetária. Gestores e administradores de organizações devem estar muito atentos para evitar qualquer problema de natureza jurídica que possa impactar negativamente a imagem da entidade.

Compliance

Mesmo sem fins lucrativos, ONGs e OSCs não podem deixar de se preocupar com a transparência de suas ações. Um termo oriundo do mundo corporativo tem ganhado cada vez mais importância no Terceiro Setor: o compliance. A expressão vem do verbo em inglês to comply, que significa estar de acordo com as regras.

No Brasil, muitos têm usado como sinônimo de integridade. Em resumo, o compliance tem como base uma cultura organizacional ética, cujos objetivos são evitar erros, fraudes e corrupção dentro das instituições, garantindo eficiência e confiabilidade para a sociedade.

Devido à falta de conhecimento sobre gestão e legislação, muitos gestores de ONGs ocorrem em falhas sem se darem conta. Existe uma série de ferramentas e técnicas administrativas que permitem a operacionalização do Compliance no Terceiro Setor, tais como rigorosos instrumentos de controle interno; canais para denúncias; análises de riscos operacionais; código de conduta para gestores e colaboradores; e fiscalização do cumprimento das leis e normas.

Todas estas ferramentas podem ser gerenciadas a partir da plataforma de doação online, já que é possível acompanhar as transações financeiras em tempo real, além de gerar de relatórios, gráficos e exportar os dados para planilhas.

Taxas aplicadas, custos de manutenção e integrações

Cada plataforma para captação de recursos online cobra uma taxa percentual sobre cada doação recebida. Os valores variam de acordo com o plano fechado entre a organização social e a empresa responsável pela plataforma. Os contratos costumam atrelar o preço à quantidade de doações e transações por mês, ou seja, quanto mais transações a organização obtiver, melhores serão as condições e taxas aplicadas.

Ainda em relação ao investimento na hora de adquirir uma plataforma de doação online, você deve questionar quais são os custos de implementação e manutenção da plataforma. Algumas empresas cobram valores altíssimos e exigem, por exemplo, um contrato com período mínimo de um ano. Na Doare, não há qualquer custo de implementação da plataforma, nem a exigência de contrato mínimo para a organização social.

E é muito importante também saber que tipos de integrações a plataforma oferece. A partir do momento que você tem acesso a dados como e-mail ou número de telefone dos doadores, é indispensável que a plataforma de doações permita integrações com ferramentas de e-mails marketing, CRM (gestão de relacionamento com o cliente) e ERP (gestão de processos organizacionais).

Qual a diferença entre plataformas de doação e campanhas de crowdfunding?

Esta pergunta é muito comum no Terceiro Setor. Para respondê-la, reiteramos o que foi dito no tópico “Doações pontuais x Doações recorrentes”: o foco de uma plataforma de doação online é ajudar organizações sociais com a captação de recursos online de forma permanente.

Campanhas de crowdfunding, flexíveis ou do tipo “tudo-ou-nada”, podem funcionar para casos específicos. Em datas comemorativas, como o Natal, ou em situações emergenciais, como foi o caso dos efeitos da pandemia do COVID-19 em tantos setores sociais, o crowdfunding é útil e muito bem-vindo. Mas é uma ajuda momentânea.

Se desejamos fomentar uma cultura de doação na nossa sociedade, entendemos que um dos primeiros passos é demonstrar às pessoas a importância das contribuições recorrentes. Seja numa periodicidade mensal ou semestral, ter a garantia de que aquelas quantias estarão presentes no “caixa” da organização dá tranquilidade para a continuidade dos trabalhos.

Desenvolvimento próprio x Contratação de uma plataforma

“E se eu fizer tudo por conta própria?”, você pode se perguntar. Bem, sempre é uma opção. Mas você já parou para pensar na quantidade de trabalho para dar conta de todos os tópicos acima listados?

Se você quiser desenvolver uma plataforma de doação online por conta própria, você provavelmente precisará contratar uma agência para desenvolver o software. O projeto será feito do zero, com custo estimado entre R$ 80 mil e R$ 200 mil, e demorará em torno de oito meses para ficar pronto. Além disso, há os altos custos de manutenção. A tabela comparativa abaixo ilustra bem a diferença de tentar desenvolver uma plataforma própria e contratar uma plataforma de doação online pronta:

Conclusão

Investir em uma plataforma de captação de doações pela internet é uma decisão essencial para quem deseja ter sustentabilidade financeira na sua organização social. De forma rápida e simples, uma doação online pode ser feita em poucos cliques, sem tanta burocracia para o doador. É economia de tempo e dinheiro para sua instituição alavancar o número de doadores e planejar, com a tranquilidade financeira desejada, os próximos passos e ações de impacto social.